″A paixão pela cor não é algo que procurei, foi algo que veio até mim″ | ″A paixão pela cor não é algo que procurei, foi algo que veio até …

Como reagir a um mundo sem cor? Rosa Alice Branco, poeta, ensaísta, docente universitária, abre o seu novo livro num exercício de subtração da cor aos nossos dias. Restar-nos-ia pouco. A cor tem um poder inescapável, gera emoções, imiscuí-se no nosso subconsciente. A pretexto do poder e da fragilidade da cor, conversamos com Rosa Alice Branco.

Continuar leitura em ″A paixão pela cor não é algo que procurei, foi algo que veio até ……

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: