O escritor como agente de cultura | PublishNews

Muitos escritores têm se preocupado com as mudanças no mercado editorial e com a postura exigida do escritor. As redes sociais se multiplicaram, a presença digital tem sido cada vez mais necessária. E então, o escritor agora precisa também ser um influencer? Fazer dancinha no TikTok? Eu gosto de ver por outra perspectiva. Gosto de pensar em como nós, escritores, podemos ser agentes de cultura. Como, além de escrever, e, claro, depois desse processo de criação, porque até que o livro esteja pronto, nada mais importa, podemos erguer pontes e não escudos em direção aos nossos leitores. Antonio Candido, ao falar sobre o sistema literário, não esquecia o leitor. Para ele, o sistema era formado a partir de três elementos que compunham um triângulo: autor, obra e leitor. Sendo assim, não era possível falar em sistema literário, mesmo que existissem pessoas escrevendo e publicando, se esses textos e livros não alcançassem as pessoas. Concordo com Candido. É por isso que proponho utilizar todas as estratégias de que dispomos para chegar aos leitores, seja no formato online, seja no offline. Clique no Leia mais para ler a coluna na íntegra.

Continuar leitura em O escritor como agente de cultura…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: