Galland encontra-se com Hanna. Uma história d″As Mil e Uma Noites com 300 anos | Diário de Notícias

A França do início do século XVIII rendeu-se às histórias d”As Mil e Uma Noites. Entre 1704 e 1717, Antoine Galland coligiu e traduziu contos de inspiração oriental. Esquecido nas páginas da obra em 12 volumes ficou o contributo de um sírio nascido em Alepo. À verve de Hanna Diyab devemos histórias como Ali Babá e os Quarenta Ladrões.

Continuar leitura em Diário de Notícias…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: